Dom Serafim Spreafico

0
1615

Dom-SerafimDom Serafim, capuchinho, nasceu em Busnago (Milão-Itália) aos 11 de julho de 1939. Acolhido na Ordem capuchinha em 1952, fez sua profissão religiosa aos 04 de outubro de 1958 e foi ordenado presbítero aos 26 de março de 1966. Enviado como missionário ao Brasil depois de dois anos de estudo em Missiologia na Universidade Urbaniana em Roma, voltou à Itália depois de dezessete anos para o “ano sabático”, ao longo do qual, aos 21 de maio de 1986, apresentou a Tese de Doutorado em Missiologia, na mesma Universidade Urbaniana em Roma.

Aqui no Brasil, foi diretor do Seminário diocesano em Barra do Corda.Transferido para Grajaú, trabalhou incentivando a formação das comunidades eclesiais.Vigário cooperado e depois pároco na Paróquia de São Francisco de Assis em Belém, onde realizou  o moderno complexo  “Santa Isabel”, no bairro do Piquiá para as atividades de evangelização e promoção humana. Cuidou pela Pastoral Familiar incentivando o trabalho do ECC (Encontro de Casais com Cristo).

Fruto de seus estudos e de seu trabalho pastoral, o livro: Família cristã, Igreja doméstica.

Foi eleito Bispo da Diocese de Grajaú no dia 20 de maio de 1987, sendo consagrado aos 12 de julho do mesmo ano.

Acompanhou a Diocese com zelo pastoral e sacerdotal preocupação pelo bem dos fiéis a ele confiados. Pastoreou num tempo delicado e difícil pelos problemas eclesiais e sociais do momento, entre os quais o ressurgir das tensões nas áreas indígenas que levaram à remoção do povoado São Pedro dos Cacetes. Procurou defender os direitos dos índios, garantindo ao mesmo tempo os direitos dos posseiros.

Por problemas de saúde teve que se afastar do pastoreio da Diocese em 1995. Voltou a Itália, onde desenvolve um precioso trabalho pastoral a serviço das Igrejas locais.

Continua acompanhando e ajudando a vida e a missão de nossa Diocese, à qual se sente unido como bispo emérito.